Era Uma Vez

Por meio de projeto, Rotaract Club de Santa Maria incentiva à leitura para crianças

“Era uma vez…” as principais histórias infantis iniciam desta maneira e sempre apresentam no seu final “…e foram felizes para sempre”. No Distrito 4660, aconteceu algo semelhante, uma ideia brilhante deu asas à imaginação de pequenos leitores. O Rotaract Club de Santa Maria idealizou o projeto “Doe a um pequeno leitor”, com o objetivo de promover o acesso à leitura aos alunos da Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental Nossa Senhora da Conceição, na cidade de Santa Maria – Rio Grande do Sul.

A parceria do Rotaract com a Escola Nossa Senhora da Conceição existe há 18 anos, inclusive o clube surgiu de um grupo de amigos que já ajudava a instituição. Em 2015, identificando a necessidade de proporcionar maior alcance à leitura para as crianças daquela comunidade, foi desenvolvido um projeto atrelado ao Dia das Crianças chamado “Vamos ler mais?”.

 

Todavia, os associados do clube ainda não estavam satisfeitos e decidiram planejar algo que fosse mais incisivo ao hábito da leitura. Instigados pela pesquisa Retratos da Leitura, realizada pelo Ibope por encomenda do Instituto Pró-Livro, apontou em 2016 que 44% da população brasileira não lê e 30% nunca comprou um livro. Além disso, o índice de leitura, apesar de um pequeno progresso, indica que o brasileiro lê apenas 4,96 livros por ano. Desses, 0,94 são indicados pela escola e 2,88 lidos por vontade própria.

Diante do exposto o Rotaract Club de Santa Maria identificou a oportunidade de ampliar aos pequenos o acesso a livros de sua preferência, incentivando o hábito de ler e também da imaginação nas crianças que vivem na comunidade Nossa Senhora da Conceição e estudam na escola homônima.

Em busca dos pedidos de leitura, os associados realizaram gravações em vídeo com as crianças perguntando-as sobre quais livros elas sonhavam em ler. De turma em turma, o grupo filmou três alunos por vez. Ao todo, foram 35 crianças que participaram das filmagens. Os livros mais solicitados foram: gibis, livros de fadas, de princesas, de monstros e outros de ficção.

Com a parceria fechada com a Feira do Livro de Santa Maria, edição de 2018, o clube apresentou ao público visitante da feira, os vídeos das crianças através de tablets. Em apenas cinco dias de feira, o clube conseguiu arrecadar 35 livros para serem doados à Escola. No final, foram arrecadados 107 livros, beneficiando 100% dos alunos da escola.

Resultados

Com o término da feira, os associados e convidados foram até a escola e entregaram os livros sonhados pelos pequenos e futuros leitores. Em relação a comunidade, as lições aprendidas dizem respeito ao fato de que realidades e ideologias diferentes da nossa as vezes geram conflitos ou um parecer estranho para muita gente. Muitas crianças não têm acesso a livros ou incentivo dos pais à leitura. Portanto, é necessário compreender as diversidades, conhecer e aceitar diferentes formas de pensamento e costumes.

O acesso a informação na comunidade é ainda limitado, dessa forma foi possível trazer a oportunidade das crianças ganharem um livro que elas sempre desejaram. Em uma ocasião favorável, junto aos dias da realização da Feira do Livro, o clube conseguiu ampliar a participação para a doação de livros a toda comunidade santa-mariense e através do projeto, o que não gerou nenhuma despesa.

“Doe a um pequeno leitor” inspirou a leitura. Aflorou a imaginação das crianças da escola escolhida. Com esse impacto literário fez e fará mudanças satisfatórias na formação destas. Um projeto que iniciou com “era uma vez..” se concretizou através dos sorrisos nos olhos dos alunos em um “…e foram felizes para sempre”.

Quer conhecer mais sobre o projeto? Acesse: https://www.facebook.com/pg/rotaractsma/photos/?tab=album&album_id=1860353047362309

 

Conteúdo Produzido por Luan Berti | Redator da Rotaract Brasil

O Projeto Doe a um pequeno leitor faz parte da Vitrine de Projetos da Rotaract Brasil. 

Quer participar, saiba mais no link: http://goo.gl/asbH05

Comentários no Facebook